Como aprender a cantar afinado – 3 passos para a afinação

Neste artigo você vai saber como aprender a cantar afinado rápido.  Garanta logo meu E-book gratuito onde você irá encontrar exercícios vocais para melhorar a voz.

Para você descobrir como aprender a cantar afinado, precisa entender que não existe pessoa desafinada, o que existe é pessoa que está desafinando. Afinação vai muito além de reproduzir um som como se ouve. Depende de um estudo contínuo,mas não descarta uma boa escuta. É importante também você chegar antes do horário no local em que irá cantar para conhecer e se adaptar bem ao ambiente e para refletir sobre o repertório escolhido. O ensaio deve ser feito bem antes da apresentação para realizar possíveis ajustes. Muito mais que cantar a nota certa no lugar certo, estar afinado trata-se de explorar todo o contexto e espaço onde iremos cantar. É uma conquista que você pode alcançar!

Técnica Vocal – 1º passo

Foi com o estudo diário de técnica vocal, que compreendi que cantar afinado, cantar bem, tem haver com determinação. É claro que existem casos de cantores excepcionais, os quais já nascem cantando feito passarinhos, mas tenha certeza: eles são exceção e não regra. Exercícios  de relaxamento, aquecimento, ressonância, articulação, boa respiração, boa postura, são essenciais para cantar afinado. No meu E-book grátis você encontra os exercícios necessários para a boa qualidade da sua voz (baixe no início ou ao final da página!).

Sensação Corporal – 2º passo

A grande sacada da afinação é você perceber a sensação dos sons no seu corpo.  Pense que não pode ouvir e sinta a vibração de um som no seu corpo. Guarde esta sensação. Em seguida reproduza o som e junte a sensação que sentiu com a vibração do som emitido. Seja verdadeiro nessas comparações e vá guardando as sensações que elas lhe trazem. Já ouviu falar em coral de surdos? É essa técnica que os regentes utilizam para possibilitar a realização deste tipo de projeto.

Percepção musical – 3º passo

 

Preste atenção na música. Ouça várias vezes, sem distrações, para perceber as mudanças e os padrões semelhantes. Faça isso diarimente.

Outro treino de percepção indispensável é cantar escalas cromáticas. Cantar em semitons (de meio em meio tom) é muito importante para educar o ouvido. Tocando todas as notinhas do teclado (brancas e pretas) e repetindo junto com o piano, você correrá menos risco de desafinar. Você pode também fazer o exercício que chamamos no canto de Bocca Chiusa (termo italiano que quer dizer boca fechada). Cante a escala cromática em Bocca Chiusa (som do “M” grande com lábios serrados e dentes entre abertos) e somente depois repita o processo com a vogal i (formando a sílaba mi). Se não tiver um teclado em casa, use o teclado virtual.

No decorrer dos seus estudos musicais, no dia-a-dia, grave sua evolução. Ouça as gravações antigas e vá percebendo as pequenas diferenças. Isso traz aprendizado e grande satisfação.

Aprender a cantar afinado não é algo que se alcança da noite para o dia. Faz parte do exercício diário para quem quer cantar bem e evoluir sempre! O curso o qual tem me ajudado a manter esse ritmo contínuo de estudos e me fazendo obter resultados muito satisfatórios é o Além da Voz (por isso recomendo a você).

Se gostou desse artigo, compartilhe nas redes sociais para que possamos crescer e trazer cada dia mais informações de qualidade para você!

E-book grátis 10 ESTRATÉGIAS CERTEIRAS PARA APRENDER A CANTAR BEM

Jamille Freire

Uma apaixonada por canto e música buscando realizar sonhos. Na procura incessante por conhecimento para o nosso crescimento e evolução nesta arte.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *